O Rio Grande do Sul parou
Capítulo 13

O ponto de concentração da torcida gremista aconteceu na rua Érico Veríssimo, na esquina com a avenida Ipiranga, ao lado do prédio do jornal Zero Hora. A empresa disponibilizou um telão gigante para a transmissão da partida que reuniu aproximadamente 8 mil pessoas.
No Olímpico, centenas de conselheiros e familiares se reuniram no Salão Nobre do Conselho Deliberativo, enquanto outro grupo de gremistas das torcidas organizadas acompanhou em um pequeno televisor na sala do Departamento Eurico Lara.

Após o apito final, todos confraternizaram e seguiram a pé para o prédio da Zero Hora. Milhares de gremistas em todo o Estado invadiram a madrugada de domingo aos berros e buzinaços para comemorar a grande conquista.

A festa seguiu durante toda a semana até o retorno da delegação, que reuniu milhares de pessoas nas ruas da capital para acompanharem de perto o desfile do caminhão do corpo de bombeiro trazendo os campeões mundiais. Um momento inesquecível para quem vivenciou e para quem só acompanhou as imagens anos depois.

Grêmio Campeão do Mundo. Nada pode ser maior... Nem 22 anos depois.

Parabéns Grêmio.

Parabéns torcedor gremista.