Recopa Sul-Americana > Campeões e Vices

Ano Campeão   Vice-campeão
1989 Nacional¹ (URU) 1x0 e 0x0 Racing² (ARG)
1990 Boca Juniors² (ARG) 1x0 Atl. Nacional¹ (COL)
1991 Olímpia* (PAR) -- --
1992 Colo Colo¹ (CHI) 0(5) x 0(4) Cruzeiro² (BRA)
1993 São Paulo¹ (BRA) 0x0 e 0(4)x(2)0 Cruzeiro² (BRA)
1994 São Paulo** (BRA) 3x1 Botafogo (BRA)
1995 Independiente² (ARG) 1x0 Vélez Sarsfield¹ (ARG)
1996 Grêmio¹ (BRA) 4x1 Independiente² (ARG)
1997 Vélez Sarsfield² (ARG) 1(4)x(2)1 River Plate¹ (ARG)
1998 Cruzeiro¹ (BRA) 2x0 e 3x0 River Plate² (ARG)
2003* Olímpia¹ (PAR) 2x0 San Lorenzo³ (ARG)
2004 Cienciano³ (PER) 1(4)x(2)1 Boca Juniors¹ (ARG)
2005 Boca Juniors³ (ARG) 3x1 e 1x2 Once Caldas¹ (COL)
2006 Boca Juniors (ARG) 2x1 e 2x2 São Paulo (BRA)
2007 Internacional¹ (BRA) 1x2 e 4x0 Pachuca (MEX)
2008 Boca Juniors (ARG) 3x1 e 2x2 Arsenal (ARG)
2009 LDU (EQU) 1x0 e 3x0 Internacional (BRA)
2010 LDU (EQU) 2x1 e 0x0 Estudiantes (ARG)
  • ¹ Campeão da Copa Libertadores do ano anterior;
  • ² Campeão da Supercopa Sul-Americana do ano anterior;
  • ³ Campeão da Copa Sul-Americana do ano anterior.
  • *Em 1991, o Olímpia foi considerado campeão automaticamente por ter vencido tanto a Libertadores quanto a Supercopa do ano anterior. **Em 1994, o São Paulo deveria ter sido considerado campeão automaticamente por ser o atual campeão da Libertadores e da Supercopa. No entanto, a Confederação Sul-Americana decidiu que o time deveria disputar a Recopa com o Botafogo, que havia vencido a Copa Conmebol em 1993.
  • ***Em 1999 a Supercopa Sul-Americana foi cancelada e, com ela, a disputa pela Recopa. A competição voltou a ser disputada apenas em 2003, entre o campeão da Libertadores e da Copa Sul-Americana, que veio substituir a Supercopa.